Shuttleworth responde às críticas pelas contribuições do Ubuntu

E a resposta é bem longa e cheia de informações sobre qual é a contribuição que a Canonical e seu fundador buscam oferecer ao Linux e ao código aberto – e que não podem ser expressas em termos de números de linhas de código.

O texto também é repleto de referências aos projetos sem os quais o Ubuntu não poderia ser o que é (GNU, Mozilla, GNOME, KDE, etc.) e a natureza do retorno que a Canonical busca oferecer a eles.

Eu li e achei interessante, pois concordo que há outras métricas que permitem avaliar contribuições além das (importantíssimas) contagens de linhas de código enviadas upstream. É possível que você discorde, mas de uma forma ou de outra, fica o registro e a referência.

Fonte: http://br-linux.org/2010/shuttleworth-responde-as-criticas-pelas-contribuicoes-do-ubuntu/

About these ads

About João Fracassi

Técnico em Informática e Redes com amplos conhecimentos em Ubuntu e bastante experiencia em Suporte a Desktops,Laptops,Servers e também c
This entry was posted in Noticias, Ubuntu. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s